quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Soma de cansaços e renúncias (F. Pessoa)


“Uma tristeza de crepúsculo, feita de cansaços e de renúncias falsas, um tédio de sentir qualquer coisa, uma dor como de um soluço parado ou de uma verdade obtida.

(Fernando Pessoa in: Livro do desassossego. Ed. Companhia de Bolso, p.77)

17 comentários:

  1. Vanessa! Tô vivo e de volta. Acho que sarei.

    A dor da verdade obtida realmente lembra um soluço parado. Não é a maior dor, mas é incômoda e persistente.

    ResponderExcluir
  2. a verdade obtida pode doer. mas é tão melhor assim...

    ResponderExcluir
  3. Fernando, sempre digo por aí e aqui repito, mil vezes sem fim se necessário for para que creias em mim. Você diz o que é meu com a poesia maior que não possuo; mas a dor dessa minha verdade descoberta não dói, leva-me simplesmente a beijar suas mãos.

    ResponderExcluir
  4. Fernando é absoluto!
    Sempre.
    Beijos,
    Cinthya
    http://odivaadellas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Talvez o melhor a fazer não seja lutar contra esse cansaço ou tentar livrar-se dele à força. Isso pode muito bem alimentá-lo e fortalecê-lo. Talvez seja sábio aceitá-lo com a perspectiva de que ele é - apesar de incômodo e dolorido - passageiro e terá seu próprio ciclo de duração, ciclo esse que, de qualquer maneira, irá durar à revelia da nossa vontade.

    ResponderExcluir
  6. Fernando Pessoa sabe retratar em palavras a subjetividade dos sentimentos humanos. Excelente frase.

    ResponderExcluir
  7. ah só depois que eu vi que é o Desassossego de bolso, abri na página e não encontrei - taí a explicação o meu é o Desassossego maior. Só para curiosidade fala na pág77 "Com a morte? Não, nem com a morte. Quem vive como eu não morre: acaba,murcha, desvegeta-se." só uma frase do "42"

    bjs

    ResponderExcluir
  8. Perdão pela expressão, mas F. Pessoa é phoda... a dor de uma verdade obtida é pungente... ;)

    ResponderExcluir
  9. outra de Pessoa: "trago o cansaço antecipado das coisas que não farei"



    beijo

    ResponderExcluir
  10. Vanessa é incrivel como so atraves da literatura certas coisa conseguem ser descritas e explicadas, isso é exatamente o que estou sentido hoje.

    ResponderExcluir
  11. Só mesmo Pessoa para definir a dor com tanta eficácia...

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now