quinta-feira, 10 de junho de 2010

Amor como artesanato


"Acredito que amor seja um artesanato sem prazo fixo. Não há padrão e nem "kit" de montagem para comprar pela internet. É construção miudinha, pedra sobre pedra".

(Caio Martins, desse blog aque eu adoro: http://caiovmartins.blogspot.com/)

5 comentários:

  1. Jurandir Mendonça10 de junho de 2010 19:12

    Concordo com isso. Tudo que é bom dá trabalho. Pouca gente entende que amar exige afinidade, dedicação, zelo, respeito, cumplicidade, companheirismo e até determinação e inteligência, a gente cede até quando tem razão nos momentos de azedume e depois arruma as coisas lá na frente. Amizade verdadeira também é assim porque a gente constroi tijolinho por tijolinho.

    ResponderExcluir
  2. E acredito que seja melhor assim...porque ai e valorizado,admirado e respeitado!

    ResponderExcluir
  3. e quando a gente entende isso lá no fundo, com despojamento, consegue realmente amar

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now