terça-feira, 5 de abril de 2011

singulares e inevitáveis atalhos

The Bridges of Madison County
"(...) uma pessoa jamais se assemelha a um caminho reto, mas espanta-nos com os seus singulares e inevitáveis atalhos de que os outros não se apercebem e por onde nos é penoso ter de passar.'

(Marcel Proust in: Em busca do tempo perdido vol. 2 - À sombra das raparigas em flor.Tradução de Mario Quintana. Ed. Globo, p. 555) 

3 comentários:

  1. Ê Proust, bom demais.

    ResponderExcluir
  2. Depois das suas citações já adicionei esse livro aos meus desejados, Vanessa!

    Um beijo!

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now