sexta-feira, 15 de abril de 2011

amor e dever - carta de Clarice L.

James Tissot

"Eu sempre disse a mim mesma que o amor que os outros têm pela gente cria mais deveres do que o amor que a gente tem pelos outros."

(Carta de Clarice Lispector para Tania Kaufmann. Berna, 26-11-1946 do livro: Correspondências Clarice Lispector, organizado por Teresa Montero, Ed. Rocco, p. 137)

8 comentários:

  1. detesto compromisso, espia bem...

    beijo, bonita!

    ResponderExcluir
  2. Clarice tem um ponto de vista adorável!

    ResponderExcluir
  3. █» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██»

    “Vivemos de acordo com a nossa natureza quando usamos sabiamente o poder da nossa paz, permanecendo calmos e estáveis quando tudo ao nosso redor assusta e preocupa. Apenas quando usamos sabiamente o poder do nosso amor, ficamos a serviço dos outros enquanto a maioria está apenas focada em sua sobrevivência pessoal. Apenas então podemos usar sabiamente o contagiante poder da nossa alegria, elevando o espírito daqueles que estão tristes.”

    Mike George

    █» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██» • «██»

    Bem que... devia me amar. Por amar e só.

    bom fim de semana, bjos e saude.

    ResponderExcluir
  4. Complicado esse lance do amor, mas mais complicado é não amar e nem ser amado...

    ResponderExcluir
  5. Hummm, bem dito, mas quer saber, acho que gosto de amar mais do que receber amor não pelo compromisso, mas pelo simples fato de dar amor me faz completamente compromissada com o amor
    bjus no coração

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now