sexta-feira, 22 de abril de 2011

mas a palavra é mais que linguagem: a palavra


“Antes disso o homem teve muitas linguagens, mas a palavra é mais que linguagem: a palavra é amuleto, mito, enigma. A palavra é distância, armadilha, castigo. A palavra é limite, lucidez, altivez. Mas principalmente a palavra é jogo. A linguagem é um dos esportes mais complexos que o homem inventou e a palavra é a bola oficial desse esporte: o mais sangrento de todos. Comparado com ela, o boxe é ternura.”         

(Efraim Medina Reyes in: Técnicas de masturbação entre Batman e Robin. Ed. Planeta, p. 142)

13 comentários:

  1. querida tenha um ótimo feriado, uma belíssima páscoa pra vç...

    bjo granbeee

    ResponderExcluir
  2. Vou levar a citação comigo, Vanessa
    Mto bem escolhida!
    A palavra é muito mais que linguagem sim

    Nem só de pão vive o homem...

    Abç

    ResponderExcluir
  3. adorei! recordo-me de ter visto este blog antes, lembro-me pelo título. agradeço tua visita ao escafandro. boa pascoa pra ti.

    ResponderExcluir
  4. Realmente as palavras são bem mais poderosas do que pensamos.

    Beijos da Flor

    ResponderExcluir
  5. palavras com muuita coisa atras delas :]

    ResponderExcluir
  6. "comparado com ela o box é ternura"
    Realmente a paalvra tem um poder de destruir,ela pode ser tão mortal como uma arma...
    Beijosss

    ResponderExcluir
  7. Como disse Clarice L.: "A palavra é o meu domínio sobre o mundo."

    ResponderExcluir
  8. "Efraim Medina Reyes in: Técnicas de masturbação entre Batman e Robin. Ed. Planetap. 142)"
    Uai!?Não entendi?
    Foi daí que vc tirou esse texto?
    O que tem uma coisa a ver com outra?
    Perguntar não ofende.Ofende?

    Será que só foi eu que li isso?

    Bom fim de semana pra ti.
    :-)*

    ResponderExcluir
  9. Oi,

    sou fã do Efraim. Esse cara é, ao lado da Carson MacCullers, minhas maiores descobertas literárias nos úlitmos anos.

    Felicidades, baby.

    Bj

    ResponderExcluir
  10. alguma vez experimentaste deitar-te numa cama bordada com palavras?...
    que importa se as palavras matam? para se saber viver não se pode ter medo de morrer.
    beijos!

    ResponderExcluir
  11. Fiquei curiosa para ler esse livro!!

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now