domingo, 5 de dezembro de 2010

Menos ao tédio


“Sabia que resistiria a tudo, menos ao tédio”.

(Os íntimos, Inês Pedrosa, Ed. Alfaguara, p. 100)

12 comentários:

  1. Que cantinho literário agradável!! Voltarei. :-)

    ResponderExcluir
  2. "Quase todos os homens vivem inconscientemente no tédio. O tédio é o fundo da vida, foi o tédio que inventou os jogos, as distrações, os romances e o amor".
    (Miguel Unamuno)

    ResponderExcluir
  3. ao tédio nada dura...
    nada.

    beijo grande

    ResponderExcluir
  4. Dá sempre um prazer enorme passar por aqui...não há tédio...há emoções.

    bj

    ResponderExcluir
  5. 51 anos e ainda não consegui saber o que é isso ...

    ResponderExcluir
  6. Tédio realmente abala qualquer um, nao aceito.

    A fotografia e todas as suas possibilidades http://bit.ly/f06Ajd

    ResponderExcluir
  7. Talvez o tédio seja uma das formas de estar morto em vida.

    ResponderExcluir
  8. Eu resisto ao tédio, ele vem e eu saio correndo.

    ResponderExcluir
  9. hum... e quando é o tédio que já não nos resiste?...

    ResponderExcluir
  10. Ninguem aguenta o tédio!
    Fiquei curiosa, porque o mês de dezembro é o pior para você?
    :)

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now