terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Crimes perfeitos não deixam suspeitos


"A lembrança é o único inferno ao qual fomos condenados em inocência."

(Do filme: Nouvelle Vague)

17 comentários:

  1. Triste fardo.
    Um bj querida amiga.

    ResponderExcluir
  2. Se as lembranças forem ruins... sim, caso contrário penso que não.

    ResponderExcluir
  3. Título me lembra Engenheiros do Hawaii!

    ResponderExcluir
  4. Ai que frase verdadeira. Prisão perpétua pro/no hipocampo.

    ResponderExcluir
  5. Condenados. Esta é a palavra exata.

    ResponderExcluir
  6. Sem escolha. Ele simplesmente persegue, sempre ali!
    Beijoca.

    ResponderExcluir
  7. Somos condenados a sermos inocentes, pois as lembranças recheiam nossa alma.Parodiando Rousseau: O homem nasce inocente a lembrança é que o corrompe...

    ResponderExcluir
  8. Totalmente verdadeiro!
    Infelizmente não podemos escolher do que vamos nos lembrar, mas talvez daí venha toda a graça: aprender com o que foi vivido!
    Bjs e ótimo Natal pra ti =*

    ResponderExcluir
  9. O homem é condenado por suas lembranças e sempre será angustiado.

    ResponderExcluir
  10. Vanessa, que seu Natal seja lindo e abençoado. Paz e saúde para todos os seus.bjs

    ResponderExcluir
  11. Genial!
    ... Inclusive o resgate de Gessinger!

    Beijos =)

    ResponderExcluir
  12. Esse inferno eu conheço bem!

    Beijos...

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now