segunda-feira, 31 de maio de 2010

Sex And The City 2 - melhores diálogos



Devo ser uma das únicas pessoas que vai ao cinema com um Moleskine na mão. Aí estão meus diálogos favoritos do filme, que assisti esta tarde.

"Foi tipo música da cadeira, a música parou e só sobraram eles". (Samantha, sobre um casal gay que estava se casando)

"- Deveria ter leis que não permitissem contratar babás assim (Samantha, sobre a babá jovem, linda e loura das filhas de Charlotte)
-Sim, é a lei-de-Jude Law" (responde Carrie - para quem não sabe, Jude Law traiu a esposa, a estonteante Siena Miller, com a babá dos filhos do casal, Daisy Wright)

"- Tem algo para jantar? - pergunta Big ao chegar do trabalho.
- Não. Você casou comigo sabendo que eu era mais Coco Chanel do que coq au vin" - responde Carrie.

"- Cansei da cidade, garota. Vá se divertir com seus amigos. Eu já me divirto há 30 anos na cidade" - Mr. Big para Carrie, ao não querer acompanhá-la em uma festa.

"- Agora tudo gira em torno do sofá. (Carrie)
- Você deveria lembrar-se agora do tempo em que ele nem passava a noite com você". (Charlotte, sobre Mr. Big)

"- Não liguei para sua paquera. Se bem que você podia me paquerar um pouco mais" - Carrie fala para o marido, após uma festa.

"- Não quero ser o tipo de casal que vê TV e pede comida pelo telefone (Carrie)
- Uma TV não é o fim do mundo". (Mr. Big)

"- Carrie, lembra quando você ficou fora dois dias e tivemos uma noite maravilhosa? Que tal fazer isso toda semana?". (Mr. Big)

"- Estamos casados, não misturados. (Mr. Big)
- É só porque eu sou uma esposa chata que pega no pé". (Carrie)

"- Dois dias de folga. Estás falando do casamento como um emprego". - Charlotte diz para Carrie.

"- Fizemos um acordo anos atrás. Que os bebês e os homens não atrapalhariam" - Samantha, ao recusar o convite de um bonitão por estar com as amigas.

"- Por mais que eu ame o Brady, ser mãe só não basta" - Miranda, sobre a maternidade.

"- Adoro minhas filhas, mas estou feliz por estar dois dias sem elas por perto" - Charlotte numa sincera conversa sobre ser mãe.

"- Quando Samantha disse que meu marido podia me trair com a babá das minhas filhas eu pensei: eu não posso perder a babá!" - Charlotte, sendo mais sincera ainda.

"- Você não é como as outras mulheres. Não é mesmo". (Mr. Big para Carrie)

"- Seremos só nós dois. E isto basta? (Carrie)
- Garota, nós somos demais". (Mr. Big)

16 comentários:

  1. Vanessa,eu ainda não tive chance de assistir esse filme(vi o primeiro),mas parece tratar bastante de relacionamentos.Deve ser bom!Vou anotar essa dica!Bjs e boa semana!

    ResponderExcluir
  2. "Devo ser uma das únicas pessoas que vai ao cinema com um Moleskine na mão."
    kkkkkkkkkk
    Ri muito!
    Continue indo, e nos presenteando com os dialogos do filme!
    Adorei... ainda não vi, aqui na cidade só tem um cinema, e só passa filme " teen" !!!odeio!

    Bjos querida

    ResponderExcluir
  3. "seremos só nós dois. mas isso basta?"
    a pergunbta é tão pouco inocente, quanto a resposta, que é de todos esperada. não! obviamente, não basta...
    beijinho!

    ResponderExcluir
  4. Parece ser interessante, pelo menos o nome é intrigante...e aguça a curiosidade. Vou lembrar da sugestão pra minha próxima leitura...

    De fato ir ao cinema com um Moleskine é algo meio atipico...confesso e voz baixa que que toda vez que início minha sessão leitura, seja quem for o autor, faço uso dele também.

    Beijinho
    Aryane Pinheiro

    ResponderExcluir
  5. C A S A M E N T O.
    ...
    (Suspiros) = humanidade casada no limbo...

    ResponderExcluir
  6. Definitivamente esse comentários é o que tem muito a ver com a realidade de hoje:

    "- Quando Samantha disse que meu marido podia me trair com a babá das minhas filhas eu pensei: eu não posso perder a babá!"

    Hoje estamos traduzindo isso para a empregada.. pq manter uma boa empregada é mais dificil que um bom marido.

    bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi, Vane, parece muito interessante, vou seguir tua sugestão! Gosto destes temas sobre relacionamentos. Babá? Deixa comigo...Adoro o tema.

    Saudades, também.
    beijão
    Tais Luso

    ResponderExcluir
  8. aahahahahah, AMEI!!!!!!

    Principalmente o diálogo 3 e o sobre ser melhor perder o marido q a babá. Só eu sei o trabalho q deu "adestrar" uma. Sem juízo de valor, lóóóógico. Mas é que a bichinha não sabia a diferença entre "Cremogema" e "Detergente Ypê". Foi punk, agora q a Lygia tem 5 anos, ela está no ponto. rs

    Vá sempre ao cinema com o Moleskine, para nos brindar com pérolas assim.

    ResponderExcluir
  9. Estamos casados e não misturados é ótimo!!!
    Vou ver nesse feriado!Bjs!!

    ResponderExcluir
  10. AMEEEEEEEEEI!!!!

    Suas seleções sempre surpreendem!!!

    ResponderExcluir
  11. Quero muito ver!
    Adoooro =)
    Gostei do fato de ter nos presenteado com esses diálogos! Muito bons =)

    ResponderExcluir
  12. Menina, confesso que quando vi teu blog foi amor a primeira vista! =)
    E agora que descobri que tem alguém aí que gosta tanto de Sex and the city qto eu, gamei! hehehe
    Sou LOUCAAA por esta série! tenho todas as temporadas, e já decorei as falas dos dois filmes husahsuahsusa...
    Adoroo!!!
    Parabéns pelo blog, é tuudo de bom!
    Bjos.
    ^_^

    ResponderExcluir
  13. Diálogos incríveis, é ótimo para se lembrar. Anova série acompanha Sarah Jessica Parker, onde descreve uma mulher com uma família e dois filhos, cansado de sua vida, de repente decide pedir o divórcio de seu marido. Vamos testemunhar este processo difícil, no entanto, comédia também tingida.O elenco é composto por Thomas Haden Church, Talia Balsam, Molly Shannon.

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now