sábado, 15 de maio de 2010

Eu vou tirar você de letra nem que tenha que inventar outra gramática



"Eu vou tirar do dicionário
A palavra você
Vou trocar-lá em miúdos
Mudar meu vocabulário
e no seu lugar
vou colocar outro absurdo
Eu vou tirar suas impressões digitais
da minha pele
Tirar seu cheiro
dos meus lençóis
O seu rosto do meu gosto
Eu vou tirar você de letra
nem que tenha que inventar
outra gramática
Eu vou tirar você de mim
Assim que descobrir
com quantos "nãos" se faz um sim" - escreveu Alice Ruiz e Itamar Assumpção

"Resumida a três postais velhos, ficas mais fácil de arquivar" - escreveu Inês Pedrosa.

"Transformo-te em caso clínico. Encaixando-te em uma teoria, passas de objeto amalgamado a objeto de estudo" - escrevo eu. (VSM)

9 comentários:

  1. que medo, ouvi o negão ontem! aliás, tenhoo dvd em que ele participa com a zélia duncan, uma gracinha.

    ResponderExcluir
  2. Somos todos ... principalmente aqui.

    ResponderExcluir
  3. Vanessa!

    Faz tempo que não comento blog!
    Este seu post esta mesmo ótimo!
    Mais aqui tem sempre posts interessantes!

    Tem um selinho pra você no meu blog. se você gosta de postar selinhos pega se não tudo bem tem gente que não gosta!:D

    Um lindo fim de semana!


    beijocas
    Elaine

    ResponderExcluir
  4. Vanessa, depois de transformar o ex-objeto de desejo em caso clínico, há que cozinhá-lo em banho-maria...

    ResponderExcluir
  5. O não é o caminho para o sim... já o silencio é o não definitivo.

    bjus

    ResponderExcluir
  6. Poxa como é bom ver Itamar Assumpção ser citado...

    Aliás Vanessa, vou postar Fragmentos daquele entrevista em sua homenagem!

    abraço

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now