sábado, 6 de agosto de 2011

se...

"Ficaríamos para sempre curados do romantismo se, para pensar naquela a quem amamos, procurássemos ser aquele que seremos quando não mais a amamos."

(Marcel Proust in: Em busca do tempo perdido vol. 4 - Sodoma e Gomorra.Tradução de Mario Quintana. Ed. Globo, p. 113)

8 comentários:

  1. Um ponto perdido entre o desejo de ter, e quando temos em nossos bracos.

    ResponderExcluir
  2. o romantismo é uma doença boa que não necessita cura apenas a espaços recebe a farpa difícil e em desilusão por momentos se omite e escapa num horizonte que não é bonito.
    mas o romantismo tem semente funda que ganha raízes e se readquire quando se reencontra aquela a quem amamos.
    e adorei a magnífica fotografia

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Missão impossível esta

    Beijos, Vanessa!

    ResponderExcluir
  4. Tão lindo este blog"
    Belas palavras. Bjws"
    http://nostudinhos.blogspot.com/
    Te espero"

    ResponderExcluir
  5. Vou experimentar... será que funciona?

    ResponderExcluir
  6. Entao vou tentar essa tatica...espero que funcione rsr

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now