sábado, 6 de agosto de 2011

se...

"Ficaríamos para sempre curados do romantismo se, para pensar naquela a quem amamos, procurássemos ser aquele que seremos quando não mais a amamos."

(Marcel Proust in: Em busca do tempo perdido vol. 4 - Sodoma e Gomorra.Tradução de Mario Quintana. Ed. Globo, p. 113)

8 comentários:

  1. Um ponto perdido entre o desejo de ter, e quando temos em nossos bracos.

    ResponderExcluir
  2. o romantismo é uma doença boa que não necessita cura apenas a espaços recebe a farpa difícil e em desilusão por momentos se omite e escapa num horizonte que não é bonito.
    mas o romantismo tem semente funda que ganha raízes e se readquire quando se reencontra aquela a quem amamos.
    e adorei a magnífica fotografia

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. Missão impossível esta

    Beijos, Vanessa!

    ResponderExcluir
  4. Tão lindo este blog"
    Belas palavras. Bjws"
    http://nostudinhos.blogspot.com/
    Te espero"

    ResponderExcluir
  5. Vou experimentar... será que funciona?

    ResponderExcluir
  6. Entao vou tentar essa tatica...espero que funcione rsr

    ResponderExcluir
  7. como eu me vejo nessa imagem...

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now