quarta-feira, 10 de agosto de 2011

...

“O amor à humanidade é uma abstração através da qual não se ama senão a si mesmo.” 

(Dostoiévski in: O idiota)

9 comentários:

  1. Uau, sempre gosto de ler Dostoiéviski, impressionante como ele escreve as verdades!!!!

    Somos egoístas, mas inventamos que amamos a humanidade para justificar nosso amor desmensurado por nós mesmos.

    Abraços
    http://devaneiosfugazes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Pois não deixamos de ser o outro.Somos todos também de alguma forma. Mas amar a si mesmo também é fundamental.
    Beijo Vanessa.

    ResponderExcluir
  3. As palavras do meu amado entram e pousam. E ficam e germinam...Dostoiévski sempre falando-me.
    Linda imagem!

    ResponderExcluir
  4. Nenhuma atitude é 100% altruísta porque traz em si o agrado de se ter feito o bem a outrem. :)

    ResponderExcluir
  5. Hoje estou passando apenas para lhe fazer um convite.
    Estou falando do www.superlinks.blog.br que é um site agregador que vale a pena visitar, pois é mais um espaço no qual você poderá publicar seus links de matérias, pois é um site sério e com critérios bem positivos.
    Espero que goste da dica.
    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  6. Nem sei o que comentar!!!

    Ai ai.

    Linda a composição da frase com a imagem.

    ResponderExcluir
  7. Calma, Dostô!Não precisar dar na cara!

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now