terça-feira, 30 de março de 2010

O saber nunca lhe inibe o desamparo


"Não procura explicar, nem denunciar ou sequer interrogar. Interessa-lhe ver e sentir, com a corrosiva lucidez das paixões intensas. O saber nunca lhe inibe o desamparo, antes o absorve até à vertigem".

(A instrução dos amantes, Inês Pedrosa)

6 comentários:

  1. "A estrada do excesso, leva ao palácio da sabedoria"

    William Blake

    ResponderExcluir
  2. Ah...esse desassossego...tem sua glória, sua beleza...mas, hoje, saber e ficar feliz apenas pela existência e pela união de idéias, vontades, verdades, nem tanto...é bom

    ResponderExcluir
  3. Hummm que foto intensa...

    hahaha obrigada e as mocinhas agradecem

    ResponderExcluir
  4. wow, amei! a foto então...sem palavras!

    ResponderExcluir
  5. Realmente existem momentos em que as palavras de nada servem. Nessas horas apenas resta que sintamos.

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now