domingo, 11 de abril de 2010

das muitas que vivem em mim


"[...] Sempre tive a sensação de mal-estar no mundo, uma sensação de não caber no meu espaço, um desconforto diante de meus pares – eu me pergunto: tenho pares? Eu sabia que em mim há uma mulher que tento esconder ferozmente. Tenho medo que as pessoas identifiquem meus excessos, essa quantidade absurda de pernas e braços que camuflo sob a roupa que visto. O que diriam se soubessem das muitas que vivem em mim e tentam bravamente, numa luta corporal, projetar-se do meu corpo? Tomariam-me por uma aberração?[...]"

[Clarice Lispector]

8 comentários:

  1. Dica:

    Eu também fico louca procurando títulos e pra não repetir qualquer parte do texto no título eu procuro uma música ou outro poema que fazem alguma referência - nem que seja na minha cabeça - ao post.

    Aí é assim, né? Dica, sugestão e etc. Eu acho uma delícia quebrar a cabeça pra pensar em alguma coisa que combine...

    Beijo, Flor linda.

    ResponderExcluir
  2. Também adoro Clarice!...
    ... E o consequente existencialismo... feminino!!!
    Lindas escolhas, Vanessa!!!

    Abraços carinhosos!!!

    ResponderExcluir
  3. Gostei muito do teu cantinho,parabéns...
    Bjcas...

    ResponderExcluir
  4. amor adorei seu blog é perfeito,dificil achar um blog com sitações de Fernanda young e Erica Jong em um só lugar. ^-^
    p.s: adicionei seu link no meu blog bjs.

    ResponderExcluir
  5. Só mesmo literatura, música e vinho...para responder tais indagações!

    ResponderExcluir
  6. - Gosto muiiito de Clarice, mais ainda sou mais apaixonada pelo jeito simples do Caio *-*, rs. Adorei o blog, e tô seguindo, simplesmente demais :DD
    beijo, beijo!

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now