quarta-feira, 28 de setembro de 2011

que a vida não se resume a isso


“O sentimento amoroso é o sentimento que mais culpa transmite. Acabamos por achar que todas as feridas do outro foram provocadas por nós. Podemos chegar a pensar, dentro de nossa loucura – em um movimento quase demiúrgico -, que estamos no coração do outro. Que a vida se resume a um universo isolado de válvulas pulmonares.”

(David Foenkinos in: A delicadeza. Ed. Rocco, p. 166)

3 comentários:

  1. A vida não se resume. Ela é texto complexo (desde o Édipo). Não há resumo da vida, dela aproveite-se o sumo!

    ResponderExcluir
  2. Hola Vanessa Souza, tu entrada me ha parecido
    digna de hacerte mi comentario, te sigo y te
    leo" por ejemplo: mehace mucha gracia
    ven acá, Luisa me dá tua máo. (Me das tu mano)
    Un abrazo
    Ángel-Isidro.
    http://elblogdeunpoeta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. ai, ando tão "contaminada" por este livro...

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now