segunda-feira, 26 de setembro de 2011

da doçura

"(...) para compreender que na humanidade a regra - que comporta exceções naturalmente - é que os duros são débeis rechaçados e que os fortes, sem se preocupar que os queiram ou não, são os únicos que tem essa doçura que o vulgo toma por fraqueza."

(Marcel Proust in: Em busca do tempo perdido vol. 4 - Sodoma e Gomorra.Tradução de Mario Quintana. Ed. Globo, p. 351)

2 comentários:

  1. Ah, se fôssemos todos tomados por essa força, não ser rechaçado, amar ocupando todos os espaços!
    bjs

    ResponderExcluir

So if you have something to say, say it to me now