quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

trazer sempre o poeta pela mão

"Cruz e Sousa é o primeiro poeta moderno do Brasil. Hoje ele continua sob o lampião do porto, olhando a escuridão do mar e recitando versos. Não deve ser fácil, pois Florianópolis está "emparedada" por duas avenidas de alta velocidade à beira mar, que ameaçam, belicosas, por seus moradores e os afastam do espelho azul-esverdeado que cercava com carinho a cidade de Desterro. Não mais somente à criada alemã: cabe à nação brasileira trazer sempre o poeta pela mão."

(Godofredo de Oliveira Neto in: Cruz e Sousa, o poeta alforriado. Ed. Garamond, p. 144)

http://www.facebook.com/vencaluisa
http://www.vemcaluisa.blogspot.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

So if you have something to say, say it to me now